Cursos Livres
Educação das Relações Étnico-Raciais

O curso de Educação das relações étnico-raciais explica a história do país por uma perspectiva social, cultural e legal das legislações protecionistas de povos originários e a comunidade negra, aplicando tais conhecimentos em suas áreas específicas de atuação como na educação, serviço social, saúde, direito, entre outros.

Continuar explorando
Sobre o curso
Educação das Relações Étnico Raciais

O curso livre de Educação das relações étnico-raciais da Anhanguera é composto por 20 horas de aulas. Tem uma proposta fundamental de abordar a diversidade populacional brasileira, fornecendo o contexto teórico nacional e internacional acerca do legado, da legislação, dos movimentos de resistência e outros assuntos referentes à comunidade negra e aos povos originários.

para quem é o curso
HABILIDADES QUE O PROFISSIONAL DAS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS DEVE TER
  • Bom relacionamento interpessoal
  • Compromisso com a pauta étnico-racial
  • Consciência social
  • Empatia
  • Visão sistêmica
  • Boa oralidade
matérias do curso
O QUE VOCÊ VAI APRENDER?
  • Inclusão Racial: Povos Negros - Parte 1
    Nesta matéria você estudará sobre os aspectos gerais e históricos do Brasil, os componentes do racismo estrutural (do período colonial à abolição) e a legislação existente na Constituição de 1988 como instrumento de proteção a pessoas negras.
  • Inclusão Racial: Povos Negros - Parte 2
    Aqui você se familiariza com as políticas públicas afirmativas de pessoas negras, o ordenamento jurídico do país que condena práticas racistas e discriminatórias. Também é o momento de conhecer os debates propostos por uma sociedade antirracista, incluindo a contribuição do feminismo negro.
  • Inclusão Racial: Povos Indígenas - Parte 1
    Aprenda sobre os aspectos gerais e o histórico dos povos originários. Aqui, também estudará sobre a legislação existente na Constituição de 1988 como instrumento de proteção a esses povos.
  • Inclusão Racial: Povos Indígenas - Parte 2
    Com esse conteúdo você aprende sobre as políticas afirmativas e protetivas aos povos originários bem como as proposições e debates que visam a aplicação das garantias de proteção a tais povos.
o mercado
salário de quem trabalha com áreas referentes a relações étnico-raciais
Este é um curso que pode beneficiar profissionais de diferentes segmentos, mas aqui estão algumas das áreas mais relacionadas ao tema para você comparar a média salarial!
  • Pesquisador em Ciências Sociais e Humanas
    Média salarial
    R$ 4.223,28*
  • Assistente social
    Média salarial
    R$ 3.035,59*
  • Analista de diversidade e inclusão
    Média salarial
    R$ 4.692*
Fonte: https://salario.com.br
Todas as matérias do curso
Sobre o curso

Este curso livre da Anhanguera apresenta uma abordagem transparente sobre a história do país. O curso explana como a escravidão foi estruturada no Brasil, suas ramificações ao longo do tempo e a importância de políticas públicas que combatam o racismo e a discriminação estruturais.

Com aulas totalmente online que podem ser acessadas em um ambiente virtual de aprendizagem, você vai ter acesso a conteúdos como desigualdades étnico-raciais, educação multicultural, interculturalidade, políticas de ação afirmativa etc.

Esses conteúdos servirão como conhecimento base para as pessoas compreenderem as demandas geradas pela comunidade negra e por povos originários diante à ausência de políticas públicas após a abolição da escravatura e seus reflexos até os dias atuais.