Para acessar a sua área você deve escolher:

  • Tenho uma conta Anhanguera Office 365

    Acesse a sua conta utilizando o seu login do Office 365

    ACESSAR MINHA CONTA
  • Ainda não tenho uma conta Anhanguera Office 365

Esqueci minha senha / 1° acesso

Imprensa

< Voltar

9.11.2010

Anhanguera participa do maior congresso de iniciação científica do País com 128 artigos

A iniciação científica é uma ferramenta que possibilita envolver alunos no desenvolvimento de projetos de pesquisa e é um diferencial para o profissional no mercado de trabalho. A Anhanguera, desde 1999, estimula seus alunos por meio do Programa de Iniciação Científica (PIC). Para comprovar a qualidade do seu modelo do programa, este ano a Instituição obteve um recorde com um alto número de projetos científicos aprovados para o maior congresso de iniciação científica do Brasil, o Congresso Nacional e Internacional de Iniciação Científica (Conic). De 135 artigos encaminhados pela instituição, 128 foram aprovados e estão concorrendo 12 prêmios diferentes de reconhecimento. Esses trabalhos serão apresentados no evento.

Para o diretor do Instituto de Pesquisa Aplicadas e Desenvolvimento Educacional (IPADE) da Anhanguera, professor Marcelo Augusto Cicogna, esses resultados só comprovam a evolução e a importância do PIC. "O recorde de trabalhos conquistado pela Anhanguera é fruto do trabalho de mais de 70 professores e 178 alunos de 28 unidades diferentes", destaca. Cicogna ressalta também que o programa proporciona ao aluno a experiência e oportunidade de conhecer e aplicar o método científico. "A iniciação científica pode ser um diferencial no currículo e pode abrir novos caminhos dentro da profissão escolhida", acrescenta o professor.

Entre 1999 e 2010, 1.628 alunos participaram do Programas de Iniciação Científica (PIC) da Anhanguera. Nesse período, mais de 1.300 trabalhos foram apresentados em eventos nacionais e internacionais. A Instituição foi representada em 2009 no Conic por 47 artigos científicos. Participaram do evento 198 instituições de ensino superior, públicas e privadas, de diversas regiões do Brasil, com mais de 1.400 trabalhos inscritos e 3 mil participantes.

"Acreditamos que a qualidade do modelo do nosso programa, aliado à dedicação e comprometimento dos orientadores, além do esforço dos alunos, é a chave para este sucesso", destaca a supervisora do PIC da Anhanguera, professora Tatiane Jesus de Campos.

Conic

O Congresso Nacional e Internacional de Iniciação Científica (Conic) é promovido pelo Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo (Semesp). O evento será realizado nos dias 19 e 20 de novembro, no prédio Ítalo Calvino situado na Rua da Consolação, 896, em São Paulo.

O Conic tem o objetivo de identificar talentos e estimular a produção de conteúdo científico com potencial para a transformação da realidade, através do exercício da criatividade e do conhecimento adquirido. O Congresso apoia o desenvolvimento intelectual contínuo dos alunos do Ensino Superior, incentivando a pesquisa, a arte e cultura e facilitando seu contato com o que há de novo no mercado, ao mesmo tempo em que promove visibilidade e valor aos trabalhos apresentados.

Produção científica

A Anhanguera incentiva e investe na produção científica de seus alunos. A Vice-Presidência de Programas Institucionais, por meio do Instituto de Pesquisas Aplicadas e Desenvolvimento Educacional (IPADE), tem a função de congregar professores, pesquisadores e outros docentes que exercem funções de pesquisa, de extensão com produção científica ou de orientação discente. O IPADE também coordena programas e projetos de pesquisas aplicadas e de iniciação científica, além de supervisionar a produção científica e intelectual do corpo docente e discente de professores convidados, para fins de publicação em revistas internas ou externas.

De acordo com a vice-presidente de Programas Institucionais da Anhanguera, professora Maria Elisa Ehrhardt Carbonari, a produção científica dos alunos, orientada por professores qualificados, pode garantir o pleno e adequado aprendizado do corpo discente. "A aprendizagem significativa é alcançada quando os estudantes internalizam os conhecimentos e desenvolvem habilidades e competências necessárias para o bom desempenho de suas atividades profissionais", conclui a professora.

Alfapress Comunicações
Thaís Frausto - (19) 9788-6829
Alex Mattiuzzo - (19) 9648-5738
Central de Atendimento aos Jornalistas
Fone: (19) 2136-3505
Pabx: (19) 2136-3500
alfapress@alfapress.com.br

Filtro de Releases

Fale com a Assessoria

E-mail de contato:

Agência ideal

  • Fernanda Vigna

    (11) 4873-7649

    (11) 99649-5997

  • Thaís de Araújo

    (11) 4873-7633

    (11) 99137-0064

Alfapress Comunicação

  • Coordenação Fernanda Blotta

    (19) 2136-3500

    (19) 99648-5738

  • Atendimento Institucional Marcela Feriani

    (19) 2136-3500

    (19) 99936-3972

Atendimento Regional