Anhanguera. Aqui, o seu esforço ganha força

Para acessar a sua área você deve escolher:

  • Tenho uma conta Anhanguera Office 365

    Acesse a sua conta utilizando o seu login do Office 365

    ACESSAR MINHA CONTA
  • Ainda não tenho uma conta Anhanguera Office 365

Esqueci minha senha / 1° acesso
Notícias
Voltar

11.4.2013

Aluno de Engenharia da Anhanguera Unipli patentia acessório para tubulações hidráulicas

Com 31 anos e cursando o quinto período de Engenharia Mecânica na Anhanguera Unipli, Orlando Lima criou a peça "Abraçadeira U" (registro de depósito de patente feito em 2011), mais conhecida como a "Abraçadeira Hollandy", que serve como acessório ou elemento de fixação para tubulações, um sistema que atua diretamente para operar válvulas e outros equipamentos, também desenvolvidos pelo estudante.

"Inicialmente essa peça, que consome apenas 40% de matéria prima comparada com artefatos similares e recursos para produção 100% nacional, foi pensada para ser aplicada em tubulações, dutos de cabos elétricos, cabos elétricos e sistema de refrigeração. Contudo, como sua montagem é simples e a criatividade do consumidor é algo fantástico, acredito que aparecerão mais utilidades para esse acessório", explica Orlando Lima.

A motivação para criar a peça surgiu por meio de um desafio, quando um amigo de trabalho pediu que o ajudasse a solucionar uma dificuldade para instalar tubulações hidráulicas a bordo de um navio. "Ele me deu duas peças plásticas de um produto existente no mercado e líder mundial dizendo que perderam parte do conjunto e que sem esta parte de aço não conseguiria montar. Tirei umas fotos e levei para casa. Fiz uns esboços a lápis da ideia que me veio à cabeça e depois modelei em 3D no Autocad, surgindo assim a Abraçadeira Hollandy", afirma o aluno de Engenharia da Anhanguera Unipli.

Invento patenteado

Orlando já fez o depósito da patente da peça, criando um catálogo de apresentação para fornecedores, por meio da sua empresa Hollandy Desenvolvimento de Projetos. "Com a minha empresa consigo atender as necessidades dos clientes e dos fornecedores parceiros, através de protótipos ou ferramentas".

Carreira. Além da própria empresa, Orlando Lima atua como projetista no Estaleiro Enseada do Paraguaçu EEP S.A, que está em construção na Bahia, sendo considerada uma extensão da empresa Odebrecht, chegando a trabalhar na Romênia no projeto do Navio Sonda, do Estaleiro Enseada do Paraguaçu.